13/09/2017 às 10h04min - Atualizada em 13/09/2017 às 10h04min

Associação de Comerciantes de Queijos Artesanais Brasileiros

COMERQUEIJO – ASSOCIAÇÃO DE COMERCIANTES DE QUEIJOS ARTESANAIS BRASILEIROS

A COMERQUEIJO foi idealizada em fevereiro de 2017 e constituída por 20 comerciantes de todo país que se dedicam ao comércio, exclusivo ou não, de queijos artesanais brasileiros e que viam a necessidade de debater as questões que envolvem o Queijo Artesanal Brasileiro, fortalecer a cadeia comercial deste produto e criar um elo ainda mais coeso entre produtor e comerciante.

Após a regulamentação da COMERQUEIJO serão abertas as inscrições para novos associados. Ainda sem ser formalizada juridicamente, previsto para finais de agosto, a COMERQUEIJO observará os princípios da legalidade, impessoalidade, moralidade, publicidade, economicidade e da eficiência, com as seguintes prerrogativas:

- Defender e divulgar a Cultura do Queijo Artesanal;
- Valorizar as tradições por meio de eventos, palestras, aulas, cursos, feiras e dentro dos comércios de cada associado lojista;
- Fomentar pesquisas científicas que beneficiem o queijo artesanal e seus artesãos, sejam eles tradicionais ou novos produtores assim como definir, no seu espectro de competência, as definições que dizem respeito à Cultura do Queijo Artesanal, mediante definições e notas técnicas, pareceres e outros documentos que classifiquem o produto e o produtor;
- Estimular o aumento do consumo do Queijo Artesanal no país, por meio do comércio justo e ético do Queijo Artesanal;
- Promover a integração de Consumidores, Produtores e Comerciantes;
- Respeitar e fomentar o respeito o produtor artesanal por meio da ética; 
- Respeitar e atender as demandas dos Consumidores;
- Contribuir para o intercâmbio de conhecimento entre os Associados, visando à disseminação dos aspectos legais, fiscal e ético, assim como das melhores práticas comerciais com os demais associados;
- O associado somente poderá usar o termo “artesanal” sempre que o produto siga a descrição definida pela “COMERQUEIJO”;

Parágrafo Primeiro - Para cumprir suas finalidades sociais, a Associação se organizará em tantas unidades quantas se fizerem necessárias, em todo o território nacional, as quais funcionarão mediante delegação expressa da matriz, e se regerão pelas disposições contidas neste estatuto e, ainda, por um regimento interno aprovado pela Assembleia Geral.
Parágrafo segundo - Os Associados são livres para vender todo tipo de queijo e de outros produtos de diferentes origens, mas a sua manutenção na qualidade de associado dependerá da estrita observância aos princípios de respeito ao produto e ao produtor artesanal descritos acima.

DEFINIÇÃO DE QUEIJO ARTESANAL SEGUNDO VISÃO COMERQUEIJO

- Queijo Artesanal e Tradicional de Propriedade: 
Queijo Produzido de leite cru de Acordo com a Tradição e Regras Segundo a Definição da Associação de Produtores de Cada Queijo Tradicional Brasileiro.

- Queijo Artesanal de Propriedade:
Queijo Produzido Exclusivamente com Leite Cru Obtido na Propriedade Produtora.

- Queijo Artesanal:
Queijo Produzido com Leite Cru, com Leite Próprio e/ou Comprado de Terceiros, Obtido Num Raio Não Maior do Que 24km Para Estrada de Asfalto e 10km para Estrada de Terra e Que Não Ultrapasse o Limite Produtivo de 7.000 Litros de Leite ao Dia Para Leite Bovino e 1.000 Litros de Leite para Caprino, Ovino e/ou Bubalino.

- Queijo Artesanal de Leite Pasteurizado:
Queijo Produzido com Leite Pasteurizado, com Leite Próprio e/ou Comprado de Terceiros, Obtido Num Raio Não Maior do Que 24km Para Estrada de Asfalto e 10km para Estrada de Terra de Distância da Propriedade Produtora e Que Não Ultrapasse o Limite Produtivo de 7.000 Litros de Leite ao Dia Para Leite Bovino e 1.000 Litros de Leite para Caprino, Ovino e/ou Bubalino.

- Queijos Industriais:
Fica Classificado Todo e Qualquer Queijo Que Não Se Enquadre em Nenhuma Classificação Acima.
Para os produtos denominados “artesanal” fica proibido o uso de conservantes, espessantes industrializados e a pratica da homogeneização do leite. Que usem preferencialmente fermentos autóctones, porém é permitido o uso de fermentos lácteos industrializados. 
Fica liberado o uso de coalho ou coagulante, cloreto de cálcio, cloreto de sódio e outras culturas como Geotrichum Candidum, Penicillium Candidum ou Penicilium Roqueforti industrializados.

LISTA DE LOJISTAS ASSOCIADOS:

Estado de São Paulo

Bitaca Madalena - São Paulo
Empório Amigos do Queijo - São Paulo
Empório das Geraes - Riviera, Bertioga
Empório Fazenda - Campinas
Empório Rizza - Campinas
Mercearia Mestre Queijeiro - São Paulo
Galeria do Queijo - São Paulo
Os Legítimos Quitutes de Minas - São Caetano do Sul
Queijaria Armazém do Mineiro - São Paulo
Raízes de Minas - São Paulo
Sonhos de Queijo - Campinas
Trem Bom de Minas - São Paulo
Terra Doce Delicias Mineiras - Sorocaba

Estado do Rio de Janeiro

Clube do Queijo - Rio de Janeiro
Confraria Queijo Com Prosa - Rio de Janeiro
Empório São Roque- Rio de Janeiro
Produtos D.O.C. - Rio de Janeiro
Queijo com Prosa - Rio de Janeiro

Estado de Minas Gerais

De Lá - Belo Horizonte - MG
Mercearia Santos - Poços de Caldas
Roça Capital - Belo Horizonte

Distrito Federal

Tarsitano Sabor de Origem - Brasília

Fonte: Comer Queijo - http://premioqueijobrasil.com.br/

https://pt-br.facebook.com/comerqueijo/about

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »