10/05/2022 às 10h37min - Atualizada em 10/05/2022 às 10h37min

Fórum Estadual da Febre Aftosa está com inscrições abertas, destaca Seapdr

Página Rural

Estão abertas as inscrições para o Fórum Estadual da Febre Aftosa, organizado pelo Fundesa, Secretaria da Agricultura, Pecuária e Desenvolvimento Rural (Seapdr) e entidades do Grupo Gestor Estadual do Plano Estratégico do Programa Nacional de Erradicação da Febre Aftosa (Pnefa). O evento acontece no dia 18 de maio, a partir das 14h, em formato híbrido (virtual e presencial), no Parque de Exposições Assis Brasil, em Esteio, dentro da programação da 16ª Fenasul/43ª Expoleite. Neste ano, o tema vai ser “biosseguridade é a chave do avanço”.

“A certificação de área livre de febre aftosa sem vacinação trouxe outra perspectiva para a produção de proteína animal do Rio Grande do Sul, mostrando que o setor tem a atenção de um sistema de defesa sanitária robusto, adequado e atualizado. Isso certamente oferece aos mercados uma nova condição”, destaca o presidente do Fundesa, Rogério Kerber.

Segundo Kerber, é oportuno celebrar esse momento para sinalizar aos setores de produção que há obrigações e avanços a serem feitos para manter o status. “É necessário continuar a trilha de modernização e inovações e o Fórum traz justamente este aspecto, de mostrar o que vem sendo feito e pontuar a importância da biosseguridade”, afirma.

Na programação, temas como biosseguridade na prática, a importância das notificações e as principais ações da Secretaria da Agricultura pós-certificação, além das contribuições do setor privado para a manutenção do status sanitário. Também está prevista a leitura de uma carta do evento e um ato de celebração de um ano de área livre de aftosa sem vacinação, conquista alcançada em 27 de maio de 2021, com a certificação da Organização Mundial da Saúde Animal (OIE).

“O Fórum faz parte das ações em comunicação do Pnefa, que tem como objetivo manter a febre aftosa em pauta e mostrar a necessidade de continuarmos protegendo nosso rebanho, bem como, trazer a importância de saber reconhecer os sintomas e de notificar qualquer suspeita às inspetorias”, afirma a médica veterinária Grazziane Rigon, da coordenação estadual do Pnefa da Seapdr.

As inscrições podem ser feitas neste link: https://bit.ly/3F7vai8


Fonte: Secretaria da Agricultura, Pecuária e Desenvolvimento Rural (Seapdr)
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »