06/04/2010 às 09h23min - Atualizada em 06/04/2010 às 09h23min

Pequenos laticínios pedem benefício fiscal no Rio Grande do Sul

Correio do Povo

Os pequenos laticínios querem crédito presumido de 7% para a matéria-prima usada na fabricação de queijos e bebidas lácteas, ou seja, na entrada do leite na fábrica. Se aprovado pela Sefaz, o benefício fará com que a carga final de produtos como o queijo, hoje em 10,2% (17% de ICMS com 6,8% de crédito presumido na saída), seja reduzida para 3,2%. 

O pedido foi protocolado na Sefaz e será discutido entre o governo e a Associação das Pequenas Indústrias de Laticínios do RS terça-feira. 

Conforme o presidente da Apil, Clóvis Roesler, a medida pretende garantir a atuação de 35 empresas que processam menos de 50 mil litros/dia. "Dez mil pessoas podem perder seu ganha-pão", frisou.

 


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »