23/11/2017 às 20h48min - Atualizada em 23/11/2017 às 20h48min

Produtores de Içara investem em tecnologias para melhorar a qualidade do leite e aumentar a produtividade, destaca Epagri

Produto de qualidade e bons índices produtivos. Essa é a meta da Associação dos Produtores de Leite de Içara. Para tanto, o grupo conseguiu apoio do Programa SC Rural para investimentos em infraestrutura, maquinário e animais de produção. O projeto teve um orçamento de R$ 453,9 mil, sendo R$ 207,9 mil do SC Rural e o restante contrapartida dos produtores.

Nove famílias participaram do projeto, que contou com a construção ou reforma de sete salas de ordenha e galpões para manejo das vacas e aquisição de cinco sistemas modernos de coleta de leite. Também foram feitos investimentos em um sistema de irrigação de pastagens e 22 vacas de produção de leite.

De forma coletiva os produtores investiram em dois tanques de distribuição de esterco líquido com capacidade de quatro mil litros cada. Com as reformas das salas de ordenha, os produtores construíram esterqueiras, onde a urina e o esterco das vacas é coletado. Quando cheio, os tanques recolhem este material e os espalha nas pastagens. Dessa forma reduz-se a contaminação na sala de ordenha e há um ganho de produção de pasto, com o uso do esterco.

“Vamos melhorar a qualidade do leite por termos salas de ordenha mais limpas e reduzir o uso de adubo, pois vamos utilizar o esterco dos próprios animais”, ressaltou Realdo Jorge Viana, presidente da associação. Segundo Luiz Fernando Burigo Coan, engenheiro-agrônomo da Epagri em Içara, projetos assim só trazem melhoria para toda a sociedade, pois atua na esfera ambiental, melhora a renda dos produtores, favorece o associativismo e oferece um produto de melhor qualidade para o consumidor.


Fonte: Epagri 


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »