28/04/2008 às 14h42min - Atualizada em 28/04/2008 às 14h42min

Projeto federal pode levar mais capacitação ao produtor rural no Rio Grande do Sul

Fonte: Jornal AgroIndustrial 

O projeto Navega Pantanal pode estender suas vantagens ao Rio Grande do Sul. A intenção é adaptar ao pequeno produtor rural o programa que tem na sua origem a ampliação do capital social e inclusão tecnológica do homem pantaneiro.

O assunto foi tratado neste sábado, dia 19/04, na 1ª AgroInd Familiar - Feira Nacional de Máquinas, Equipamentos, Produtos e Serviços para a Agroindústria Familiar, em Lajeado, no RS. Para o presidente da comissão organizadora da feira, Oreno Ardêmio Heineck, embora diferentes de outras partes do país, o estado tem carências que podem ser minimizadas pela iniciativa do governo federal. Faz referência ao desenvolvimento de ações conjuntas entre iniciativas privada e pública no sentido de proporcionar ao meio rural opções modernas de atividades rentáveis e acesso a novas tecnologias.

O fiscal federal agropecuário Celso Martins, da Superintendência Federal de Agricultura no Mato Grosso do Sul (SFA/MS), avalia que o projeto é aplicável no Estado, devendo ser moldado às características que aqui se evidenciam. Martins acredita que uma das maiores vantagens deva ser o alcance da informação uniformizada entre todas as comunidades envolvidas. O coordenador dos Módulos Pedagógicos do projeto, professor Júlio Setti, comemora os resultados do Navega Pantanal. A meta inicial de capacitar 2,5 mil pessoas já foi superada e em um ano em torno de seis mil foram atingidos.

A reunião que tratou do assunto foi acompanhado pela pró-reitora de pesquisa, extensão e pós-graduação da Univates, Simone Stülp. Como instituição de ensino focada no desenvolvimento regional, o Centro Universitário tem interesse em ser parceiro do projeto. Também participaram do encontro o professor do curso de Negócios Agroindustriais da Univates, Lucildo Ahlert; o assessor da secretaria de desenvolvimento e cooperativismo agropecuário, Reinaldo Vergara; e a assessora do Ministro da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), Luciana Giffoni Rodrigues Padilha.

A AgroInd é uma promoção da CIC-VT, Federação das Associações dos Municípios Gaúchos (Famurs) e Centro Universitário Univates. A organização é da Acil e apoio da Prefeitura Municipal de Lajeado, Associação dos Municípios do Vale do Taquari (Amvat), Associação dos Secretários Municipais de Agricultura do Vale do Taquari (Asamvat), Conselho de Desenvolvimento do Vale do Taquari (Codevat), Fetag/RS, MPA/RS, Fetraf Sul, MDA, Mapa, Seapa/RS e Emater/Ascar-RS. 


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »