01/08/2015 às 13h38min - Atualizada em 01/08/2015 às 13h38min

Produtores e indústria de laticínios da Cooperativa Santa Clara recebem declarações do PAS Leite

Cooperativa Santa Clara

A Cooperativa Santa Clara encerrou o primeiro ciclo do Programa PAS Leite, com a inclusão de todos os elos da cadeia (transportadores, produtores e indústria) dentro do programa realizado pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) em conjunto com o Senai e Sebrae. 

Em evento no Memorial Santa Clara, em Carlos Barbosa, os 13 produtores que participaram do Programa PAS Leite - Campo e a Indústria de Laticínios da cooperativa receberam as declarações de conclusão do programa PAS Leite. A cerimônia contou também com a entrega da revalidação e inserção de novas propriedades na produção de Leite tipo B.

O trabalho do PAS Leite - Campo junto aos produtores iniciou em agosto do ano passado, com as primeiras reuniões para implantação do projeto piloto no Estado. Os 13 produtores participantes tiveram aulas teóricas e práticas, com visitas de consultores do Senai, durante sete meses a fim de adequar suas propriedades a todos os requisitos previstos para o PAS.

Os módulos tiveram foco em introdução às boas práticas, segurança da água, saúde, higiene e manejo, transporte e coleta de leite e amostras e controle de pragas. Entre cada módulo ocorreu um intervalo para que os conhecimentos fossem implementados pelos produtores em suas propriedades e ao final foi realizada uma auditoria pelo Sebrae para a validação da aplicação do programa.

Durante a implantação do PAS Leite, os cinco produtores associados à Santa Clara que produziam Leite tipo B tiveram a revalidação de suas propriedades para produção deste tipo de leite. Além disso, outras duas propriedades foram enquadradas para a produção de Leite tipo B e receberam suas validações no evento desta sexta-feira.

O PAS se desenvolve também na indústria, com a utilização de métodos de controles para certificar que o produto que chega ao consumidor tenha a mais alta qualidade, como Boas Práticas de Fabricação e com Análise de Perigos e Pontos Críticos de Controle (Appcc). Na indústria de laticínios da Santa Clara em Carlos Barbosa, o Appcc foi implantado em 13 linhas de produtos e a declaração do PAS Indústria também foi entregue no evento desta sexta-feira.

Também são parceiros do programa no Estado o Instituto Gaúcho do Leite (IGL), a Associação das Pequenas Indústrias de Laticínios do RS (Apil), a Fetag-RS, o Sindilat, a Ufrgs e o Fundesa.

 


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »