18/03/2014 às 16h43min - Atualizada em 18/03/2014 às 16h43min

Oficina debate pecuária leiteira familiar em Marabá

Embrapa

Organizar a pesquisa e ofertar tecnologias para a pecuária leiteira familiar no bioma amazônico. Este foi o objetivo da II Oficina Temática do Leite, realizada nos dias 19 e 20 de março, em Marabá, no Pará. O evento promovido pelo Ministério do Desenvolvimento Agrário (MDA) e pela Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa) contou com palestras, debates e trabalhos em grupo para promover a integração entre pesquisa, assistência técnica e agricultores familiares do setor.

O encontro em Marabá contou com a participação dos coordenadores e técnicos das instituições selecionadas pelas Chamadas Públicas do Leite, que atuam prestando assistência técnica a 2.200 produtores da região. Também participaram organizações de Ater, pesquisadores da Embrapa e organizações que atuam na cadeia do leite na região, como laticínios, cooperativas e organizações da agricultura familiar.

O analista Marne Moreira, do Departamento de Transferência de Tecnologia da Embrapa, destacou, como resultado do encontro, o levantamento de ações necessárias para a organização da cadeia. “Durante a oficina, foram levantadas as potencialidades e dificuldades e terminamos com uma proposta de criação de uma rede de inovação para a cadeia do leite no estado.”

Plano
As oficinas temáticas fazem parte do Plano Nacional de Inovação da Agricultura Familiar que o MDA e Embrapa estão construindo com as organizações estaduais de pesquisa, Redes de Ater e representações da agricultura familiar. O Plano deve ser lançado oficialmente em abril.

Para o coordenador de Inovação e Sustentabilidade da Secretaria da Agricultura Familiar do MDA, Hur Ben Corrêa da Silva, esta oficina é parte da metodologia adotada para integrar Assistência Técnica e Extensão Rural (Ater) e pesquisa agropecuária, incluindo o ensino, com a agricultura familiar. “Há a construção de uma agenda comum de trabalho que visa apoiar o processo de inovação da pecuária leiteira familiar", acrescenta.

Outras oficinas
Além da oficina em Marabá, outras cinco serão realizadas no País. Rondônia, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, Rio Grande do Sul e a região do Semiárido serão os próximos locais a receberem a oficina até o final de maio.


 


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »