02/11/2011 às 12h02min - Atualizada em 02/11/2011 às 12h02min

Site Ciência do Leite participa do encontro do SEBRAE-SP com produtores de leite

Marco Antônio Cruvinel de Lemos Couto

Nos dias 5 e 6 de outubro aconteceu um encontro de produtores de leite do estado de São Paulo organizado pelo SEBRAE e Prefeitura Municipal de Fartura - SP reunindo mais de 300 produtores do estado. O Site Ciência do Leite compareceu levando uma mini-usina de leite para demonstração de uma pequena produção de derivados. Fizemos também uma palestra de como montar esta mesma mini-usina. Além de demonstrarmos quais os equipamentos necessários para uma pequena produção de lácteos, produzimos durante o evento Doce de leite, Iogurte, Bebida Láctea, Queijo Minas Frescal e Muçarela.

Aconteceram algumas palestras abordando o tema qualidade de leite e também a premiação para os produtores com melhores índices de CCS e CBT, o que demonstra qualidade. Os padrões mais exigidos eram o nível de contagem total bacteriana e a quantidade de células somáticas. Foi neste momento que tivemos a grata noticia, que nos deu esperança e animação, pois os resultados foram muito satisfatórios. Para todos terem uma idéia, o Brasil está com um grande impasse na implantação da Instrução Normativa 51 onde mais de 70% da produção nacional não atinge a meta do governo em relação a CCS e CBT, nos dando a exata idéia das condições de nosso leite.

Na cidade de Fartura-SP, os resultados foram muito animadores, onde dos 10 ganhadores todos estavam com a CCS abaixo de 200.000 e CBT abaixo de 50.000. E dos 10 ganhadores, 5 ou 7 são da cidade de Fartura, portanto, constatamos que foi a mudança de atitude de um grupo de produtores, liderado pelo Srº. Edson Amaral - Presidente da Cooperativa de Produtores de Leite de Fartura.

Como tive contato com estes produtores fizemos a seguinte pergunta: Qual é o segredo? A resposta é simples: Manejo e limpeza. Todos foram unânimes em dizer que o maior segredo é o manejo correto e limpeza, limpeza e limpeza; e ai eu pergunto novamente, tem alguma novidade?

Portanto, meus amigos técnicos em laticínios, veterinários, zootecnistas, agrônomos, donos de indústrias, enfim, todos profissionais da cadeia láctea, precisamos arregaçar as mangas, não esperar que alguém do governo venha nos dizer o que precisamos fazer, pois já o sabemos de cor e salteado. Limpeza e manejo são nossas armas, claro que aliado à ação, pois, sem ação nada será concretizado. Em contrapartida o produtor precisa ser melhor remunerado. Em Fartura, o leite é pago seguinte o índice CEPEA mais o adicional de qualidade que tem um aumento de até R$ 0,06 por litro, o que chega a levar o valor do leite para até R$ 1,03/ litro, situação rara de acontecer no Brasil. Isto somente é conseguido devido a qualidade do leite desta cooperativa. 

Desta forma, ao mesmo tempo em que levamos conhecimento podemos ter a grata satisfação de ver de perto que o nosso Brasil lácteo dá certo e que só depende dos profissionais desta cadeia. Devemos entender que todos fazem parte de uma corrente, onde um elo que for quebrado ou ficar frágil pode prejudicar todos que dela depende.

Assim, fica aqui o nosso parabéns a todos estes produtores que dedicam e nos dão o grande exemplo a ser seguido. Aproveito para parabenizar ao SEBRAE-SP, que foi o grande organizador do evento, nas pessoas da Srª. Paula Ornelas, escritório de SP e ex-aluna do Instituto Candido Tostes e do Srº. Eduardo Noronha, escritório de Ourinhos, promovendo este evento em várias regiões do estado há vários anos. E ao nosso grande amigo Srº. Edson Amaral, que além de presidente da associação é Secretário da Agricultura de Fartura e que conduziu os produtores a conseguirem estes brilhantes resultados. 

Para os interessados em contratar o Site Ciência do leite para levar a mini-usina itinerante aos eventos contate 37-3334.1618.

Saudações Laticinistas
Marco Antônio Cruvinel de Lemos Couto

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »