26/01/2013 às 14h40min - Atualizada em 26/01/2013 às 14h40min

Família de Rondinha investe na bovinocultura de leite

Emater/RS

A tradição e a experiência na bovinocultura de leite incentivaram a família do produtor Valério Ghissi a fazer novos investimentos na atividade. Na propriedade, localizada na Linha Lajeado Seco Santa Lúcia, interior de Rondinha, foram iniciadas as obras para construção de um moderno galpão de confinamento (free-stall), sala de espera e sala de ordenha. 

A estrutura existente não comporta mais o plantel de 52 vacas em lactação. Com as novas instalações, a família pretende chegar a 112 animais em produção. O galpão de confinamento representa para a família, além da possibilidade do aumento do rebanho, uma melhor utilização da mão de obra e, consequentemente, maior produtividade. As novas construções foram projetadas atendendo a todos os requisitos de adequação ambiental. 

Para Valério Ghissi Junior, de 19 anos, é grande a satisfação em poder dar continuidade aos trabalhos na propriedade, principalmente pelo crescimento da atividade leiteira, que há muitas gerações é desenvolvida pelos familiares. 

Na última sexta-feira (18), o engenheiro agrônomo da Emater/RS-Ascar Ronaldo Carbonari e o técnico em agropecuária Fernando Cenci estiveram na propriedade da família auxiliando no nivelamento do terreno onde serão construídas as novas instalações. Enquanto realizavam o trabalho, puderam presenciar o parto de gêmeos de uma das vacas que compõe o plantel da propriedade. 

O município de Rondinha é destaque na produção leiteira, alcançando mais de três milhões de litros/mês. Iniciativas como esta, da família Ghissi, demonstram o crescimento da atividade, a qual viabiliza também, a sucessão familiar nas pequenas propriedades.

 


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »