08/01/2010 às 16h29min - Atualizada em 08/01/2010 às 16h29min

Univates inaugura laboratório do leite em Lajeado, no Rio Grande do Sul

Univates

Foi inaugurado o Laboratório do Leite da Univates. O local dispõe de equipamentos de última geração, que resultam em precisão e reprodutibilidade dos resultados, além de rapidez, custo baixo e capacidade de terceirizar laboratórios de indústrias. O laboratório oferece análises de proteína, gordura, sólidos totais, sólidos não gordurosos e lactose, Contagem de Células Somáticas (CCS), Contagem Total de Bactérias (CBT) e análises de ureia, em amostras de leite cru oriundas de propriedades rurais e de laticínios. 

O local atenderá à indústria no controle da matéria-prima, nos programas de remuneração do leite por qualidade e no controle leiteiro, sendo ferramenta de apoio para a assistência técnica visando à gestão do rebanho, melhorando a produtividade, qualidade, controle de reprodução e o manejo nutricional. 

As vantagens de realizar o controle são: avaliar a qualidade do leite vaca vaca ao longo do tempo; obter diagnóstico da real situação e uma rápida tomada de decisões; ter a possibilidade do manejo nutricional adequado baseado nos resultados de ureia, proteína, gordura e sólidos totais e ter o controle de mastite por meio da análise de contagem de células somáticas.

Segundo a coordenadora do Laboratório do Leite, Júlia Spellmeier, a análise da ureia é importante por indicar o estado nutricional do rebanho. “O custo da produção aumenta com a ingestão de excesso de proteína”, observa Júlia. 

“O balanceamento da dieta resulta no equilíbrio da proteína e da fonte energética. É importante também observar o estado reprodutivo dos animais: tanto o excesso como a baixa concentração de ureia no leite são prejudiciais para o desempenho reprodutivo do rebanho”, completa.

Mais informações podem ser obtidas pelo telefone (51) 3714-7000, ramal 5826, pelo e-mail lableite@univates.br ou pelo site www.univates.br/unianalises
 


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »