16/04/2011 às 16h11min - Atualizada em 16/04/2011 às 16h11min

Tecnoshow Comigo 2011 movimenta R$ 500 milhões no Sudoeste Goiano

Tecnoshow Comigo

Com número recorde de expositores, total de 400 empresas de diversos segmentos, a Tecnoshow Comigo encerra sua edição 2011 com um novo recorde de negócios: R$ 500 milhões, realizados no período de 12 a 16 de abril, superando as expectativas mais otimistas dos organizadores da Feira de Tecnologia de Rio Verde-GO. 

O valor é 138% superior à edição do ano passado, quando os negócios somaram R$ 210 milhões. O acesso ao crédito oferecido pelas instituições financeiras, a longo prazo, foi um dos principais motivos para a realização dos negócios com máquinas e equipamentos agropecuários, animais e demais insumos agrícolas.

Com 70 mil visitantes neste ano, a feira também ultrapassou, em número de público, o evento realizado em 2010, que registrou a presença de 61 mil pessoas. Foram visitantes de diversos municípios goianos e de outros Estados como Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, Bahia, Paraná, Rio Grande do Sul, Santa Catarina e São Paulo, além do Distrito Federal, e até de outros países. Nos cinco dias da Feira, um total de 407 ônibus com estudantes e visitantes, e cerca de 24 mil veículos passaram pelos estacionamentos do Centro Tecnológico Comigo (CTC). Foram gerados ainda mais de 5 mil empregos temporários.



O grande sucesso na comercialização de produtos e visitação trouxe ânimo aos expositores, que já começaram a reservar espaços para a feira de 2012, que será realizada entre os dias 09 e 13 de abril, no Centro Tecnológico Comigo (CTC), em Rio Verde. "A Tecnoshow Comigo 2011 foi muito positiva, superando todas as perspectivas iniciais. Já começamos a trabalhar para realizar, em 2012, uma Feira melhor ainda, principalmente em tecnologia, que é o grande foco do evento", ressaltou o presidente da Cooperativa Agroindustrial dos Produtores Rurais do Sudoeste Goiano (Comigo), Antonio Chavaglia. 

Edição 2011
Com investimentos de R$ 1,3 milhão, a Tecnoshow Comigo 2011 apresentou diversas novidades em sua estrutura de 2011. Foram construídos uma loja da Comigo, um aumento de 900 metros quadrados de alambrado nas divisas do CTC, calçamento de mais ruas, o auditório II foi todo equipado e climatizado, foram construídas a arquibancada coberta no redondel (área onde acontece a doma racional de cavalos), foram construídos caramanchões (tipo varanda) em todas as entradas dos auditórios, ampliação de 15 mil metros quadrados da área estática de exposição de máquinas e ampliação da área do estacionamento de expositores e promovidas melhorias nos restaurantes, que receberam piso e cobertura.

Plots agrícolas
O visitante da Tecnoshow Comigo pode conhecer as novidades em experimentos nos 30 plots agrícolas de empresas que expuseram produtos e serviços na Feira com 200 demonstrações. As mostras de plantio, com 22 mil metros quadrados, tiveram a participação de pesquisadores, que apresentaram novidades em produtos, técnicas e formas de manejo, agricultura de precisão, controle de plantas daninhas, novas variedades de sorgo, girassol, soja, milhos híbridos, entre outros.

Dinâmicas e exposição de animais
Foram realizadas, em pavilhão específico no CTC, atividades de orientação sobre doma racional, manejo de ordenha, apresentação de cães pastores, fecundação in vitro, entre outros, com a realização de 16 Dinâmicas de Pecuária. Cerca de cinco mil pessoas participaram das dinâmicas em quatro dias de evento.

Diversas espécies e raças de animais também chamaram a atenção de quem visitou esta edição da Tecnoshow Comigo. Foram mais de 1,5 mil, entre pequeno e grande porte, como bois, cavalos, muares, suínos, ovinos, aves, pequenos animais e até exóticos, como, estes últimos expostos pela primeira vez na feira. Além de Nelore, nos pavilhões foram expostos gado das raças Gir, Girolando, Santa Rosália, Jersey, Holandês, Senepol, Canchim e Brahman. Os animais foram comercializados de forma expressiva.

Os equinos e muares também merecem lugar de destaque neste ano mais de 50 foram trazidos, com representantes das raças Paint Horse, Mangalarga, Quarto de Milha e Árabe. No pavilhão de ovinos, raças como Dorper, Santa Inês e Suffolk estiveram na exposição. Ainda no local, as duas últimas baias foram reservadas aos cães pastores da raça Border Bolie, entre adultos e filhotes. Houve comercialização ainda de peixes com a venda de alevinos. Também houve venda de aves, como o frango índio e ganso africano. 

Espaço Cultural
Uma mostra para contar a história e o desenvolvimento da Tecnoshow Comigo. Esta foi a proposta do Espaço Cultural montado na feira, ao lado do estande da Comigo. O objetivo foi relembrar e celebrar os 10 anos do evento. A principal atração foi a exposição de fotos e vídeos, contando a história da feira e os principais acontecimentos de cada ano. 

Circuito Ambiental
O tema deste ano do Circuito Ambiental foi "Frutos da Natureza Humana". O objetivo foi impactar e sensibilizar os visitantes para a auto-sustentabilidade. Para esta edição foram preparados 45 cenários para retratar as consequências que a vida em sociedade tem deixado às futuras gerações. 

Este é o quinto ano do Circuito Ambiental na TecnoshowIGO. Em 2007, o tema inaugural foi "Planeta Terra: a casa que eu te aluguei". Aproximadamente 15 mil pessoas visitaram o espaço, principalmente estudantes de escolas da região Sudoeste de Goiás.

Dia do Meio Ambiente
Pelo segundo ano consecutivo, a Tecnoshow Comigo promoveu ações para comemorar o Dia do Meio Ambiente durante a exposição. A programação englobou a entrega do 4º Prêmio Ambiental e oferta de palestras voltadas à temática ambiental, que mobilizaram grande público, como preservação e recuperação das nascentes e utilização de óleo vegetal como combustível. 

Prêmio de Gestão Ambiental
Durante o Dia do Meio Ambiente da Feira, no dia 15 de abril, a Tecnoshow Comigo realizou a cerimônia de entrega do 4º Prêmio de Gestão Ambiental Rural Comigo. Nesta edição se inscreveram 68 propriedades, com critérios mais específicos. O objetivo da cooperativa foi, por meio dessa ação, buscar e conhecer cooperados que realizam trabalhos de conservação dos recursos naturais em suas propriedades, em busca de uma atividade agropecuária sustentável. Ao todo, 15 prêmios foram distribuídos, sendo que três deles receberam premiações como grandes destaques.

A premiação foi aberta com discurso do presidente da cooperativa Antonio Chavaglia. "A importância deste prêmio é promover a discussão da questão ambiental, com destaque para a responsabilidade de produzir e preservar os recursos naturais", comentou. Ele também ressaltou a necessidade da votação imediata do novo Código Florestal, que está em discussão no Congresso Nacional. 

Palestras 
Orientar o produtor e visitante sobre assuntos relevantes para o agronegócio e meio ambiente. Esses foram os objetivos das mais de 100 palestras realizadas na Tecnoshow Comigo 2011, com cerca de 9.500 participantes, ao todo. Os temas foram debatidos por renomados profissionais e especialistas nos auditórios principal e II, Casa da Embrapa e dinâmicas. 

Casa da Embrapa
Na Casa da Embrapa o visitante encontrou também pesquisas que tratam da integração da lavoura, pecuária e floresta e o espaço da agroecologia que cuida de alternativas ao pequeno produtor para incremento de renda. O visitante conheceu tecnologias, produtos e serviços de diversas unidades da instituição. 

Além disso, quem passou pelo local teve a oportunidade de presenciar palestras na Casa da Embrapa nos cinco dias do evento. Foram 28 palestras com temas diversificados com 1.070 visitantes.

Coleta seletiva
Como forma de contribuir para a preservação do meio ambiente a Comigo criou uma nova ação nesta 10ª edição da Tecnoshow Comigo 2011: a coleta seletiva de todo o lixo produzido durante os cinco dias do evento. Todo material foi recolhido pela Cooperativa de Reciclagem em Geral do Sudoeste Goiano, a CoopRecicla, de Rio Verde. A feira contou com 1,2 mil lixeiras de coleta seletiva, doadas pelo Grupo Orsa, e mais 10 Pontos de Entrega Voluntária (PEV´s) comprados pela Comigo espalhados por todo Centro Tecnológico Comigo (CTC). 

Foram recolhidas cerca de 15 toneladas de material reciclável. Entre os materiais recolhidos e classificados estão os conhecidos como secos, que são: papel, plástico, vidro, madeira e metais. De acordo com o presidente da CoopRecicla o rendimento com a venda dos materiais recicláveis recolhidos na Feira será em torno de 12 mil reais. Os recursos serão divididos entre os 44 cooperados.

Internet
A página de internet da Tecnoshow Comigo também registrou grande quantidade de acessos. A média de acessos únicos foi de mais de 2,2 mil por dia. Totalizando 11,2 mil visitantes nos cinco dias do evento.

Boutique
Quem visitou a Tecnoshow Comigo 2011, pode dar uma passadinha pela boutique da feira, que colocou a venda produtos desenvolvidos especialmente para o evento. Foram bonés, chapéus, canecas, esqueezes e canivetes. No balanço de vendas, de acordo com o gerente de unidade de loja da Comigo e responsável pela boutique montada na feira, Jeferson Luís Guerreiro, o valor comercializado foi de, aproximadamente, R$ 27 mil. 

Visitas e autoridades
Por ser uma vitrine de tecnologia rural, a Tecnshow Comigo recebe a cada edição a presença de visitantes de diversos estados e países. Em 2011, a Feira teve a participação de alemães, norte-americanos e canadenses que buscaram conhecer as novidades em tecnologias voltadas para o agronegócio. Além disso, produtores rurais, especialistas do setor, estudantes e demais pessoas de estados como Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, Bahia, Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná, São Paulo e Distrito Federal também marcaram presença no evento. 

Na solenidade de abertura, a Tecnoshow Comigo recebeu diversas autoridades políticas, como o governador de Goiás, Marconi Perillo, o prefeito de Rio Verde, Juraci Martins, deputados federais Leonardo Vilela, Ronaldo Caiado e Heuler Cruvinel, o deputado estadual Karlos Cabral, o presidente da Câmara de Vereadores, Elias Terra. O presidente nacional da OCB, Márcio Lopes de Freitas, Benedito Rosa, representando o Ministério da Agricultura, José Mário Schreiner, presidente da Faeg, e o ex-ministro da Agricultura, Alysson Paulinelli, também prestigiaram a feira. Além de autoridades e representantes do governo federal e entidades ligadas ao setor.


 


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »