18/02/2011 às 09h28min - Atualizada em 18/02/2011 às 09h28min

Goiás quer dobrar a produção de leite

Governo de Goiás

Para discutir os problemas do setor leiteiro goiano, o secretário de Agricultura, Pecuária e Irrigação, Antônio Flávio Camilo de Lima, recebeu ontem os representantes do Arranjo Produtivo Lácteo – APL, Benedito Cardoso e Rodrigo Medeiros. 

Eles foram pedir o apoio da secretaria para acordos de colaboração e agilidade aos processos. è que Goiás tem potencial para dobrar a produção anual de leite e uma das dificuldades para este crescimento está na falta de mão de obra especializada no campo. 

Segundo Benedito Cardoso, o APL está na fase do "quase"; um laticínio escola, laboratório e fazenda estão quase prontos. "Falta apenas uma interlocução da direção das entidades para que funcionem plenamente", disse o gestor. Ele lembrou ainda que o homem do campo já dispõe de um curso de formação. Trata-se do Curso de Treinamento em Bovinocultura, oferecido em São Luís dos Montes Belos, que é gratuito e que dura um ano e meio. 

Atualmente, o APL reúne 19 municípios goianos e cerca de 5 mil produtores. São produzidos mais de duzentos milhões de litros de leite por ano. A intenção é dobrar essa capacidade em 10 anos. "Queremos sair de um sistema de baixa capacidade para um de alta competência e desenvolvimento", explica Rodrigo Medeiros. Formado em 2004, o APL já conseguiu elevar o crescimento da produção para acima da médias dos municípios goianos. 

Os representantes do APL são enfáticos ao defender ações de desenvolvimento da cadeia do leite. "Com a pecuária leiteira, o pequeno produtor tem retorno mensal do investimento, ao contrário da agricultura, onde a produção é muitas vezes apenas anual". Benedito conta que não preciso ter uma grande área: "A maioria dos integrantes do APL é de pequenos produtores. Em São Luís dos Montes Belos, por exemplo, um fazendeiro com apenas meio alqueire tem uma grande produção, ele sustenta a família com o trabalho". 

No próximo dia 24, São Luiz de Montes Belos vai sediar o 5º Fórum do APL. Os interessados em participar poderão ver a produção na prática e compartilhar experiências de pecuaristas que estão obtendo lucro com o leite.


 


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »