19/11/2020 às 09h28min - Atualizada em 19/11/2020 às 09h28min

Verde Campo é premiada pela Embrapa por projeto de inovação relacionado a qualidade do leite

A empresa foi escolhida na categoria Inovação em Processos, pela iniciativa “Pagamento por Sólidos” que estabelece uma inovadora forma de valorização da qualidade do leite, estimulando os produtores a serem cada vez cuidadosos no processo de produção. A solenidade de entrega do prêmio será virtual e acontecerá entre no dia 10 de dezembro, com transmissão ao vivo pelo Canal da Embrapa no Youtube.

Este é o segundo ano consecutivo que a Verde Campo é agraciada pela premiação da Embrapa Gado de Leite, na categoria inovação, sendo que em 2019, na primeira edição do prêmio, a empresa se destacou na qualidade: Ausência de conservantes em toda linha de produção – Produção de laticínios saudáveis sem conservantes, aromatizantes e corantes artificias. Todos os produtos da Verde Campo utilizam leite fresco recebido diariamente por fazendas certificadas em boas práticas produtoras e de bem estar animal.     

A empresa, responsável pela transformação do leite em derivados lácteos (iogurte e queijos), é pioneira no Brasil na implantação do programa “Mais Leite Mais Sólidos”, uma iniciativa tecnológica que melhorou nos últimos anos a genética e a nutrição dos animais da região, e possibilitou que a empresa inovasse, sendo a primeira indústria brasileira a pagar o produto por quilo de sólidos totais – proteína, gordura e lactose. O programa foi lançado em 2014 e fará parte da politica da Verde Campo em 2021.

Para a Verde Campo é um orgulho estar entre as indústrias mais inovadoras do setor de lácteos brasileiro. “O pioneirismo e a inovação estão no DNA da Verde Campo e ter esse reconhecimento do mercado é sempre muito gratificante, principalmente em um projeto como este que ajuda a fortalecer o nosso setor. O pagamento por quilo de sólidos totais é um modelo o de pagamento que impulsiona a produção de leite de alta qualidade e melhora a renda média do produtor, bastante importante para a nossa cadeia de lácteos, afirma Arlindo Curzi, presidente da Verde Campo.  

A Verde Campo oferece para seus produtores quatro certificações: Boas práticas de produção; Boas práticas em bem estar animal; Conformidade social e Meio Ambiente (desmatamento, respeito à áreas de reserva legal, tratamento de dejetos de forma orgânica e outros. 

Prêmio Ideas For Milk de Inovação 2020

Revolucionando o setor de lácteos, com uma cadeia produtiva longa, diversificada, que fatura R$ 100 bilhões por ano, o Prêmio Ideas For Milk de Inovação, criado pela Embrapa em 2019, foi pensando buscando inovações em produtos e processos. Para isso, foi realizada uma pesquisa minuciosa sobre os lançamentos do setor de leite e derivados brasileiros, de dezembro de 2019 a novembro de 2020. 

Sobre a Verde Campo

A Verde Campo é a primeira empresa do Brasil a assumir o compromisso de produzir apenas lácteos 100% naturais - livres de conservantes, corantes e aromas artificiais. Os produtos são feitos a partir de leite fresco, certificado e de altíssima qualidade, com receitas que substituem ingredientes artificiais por insumos encontrados na natureza. Localizada em Lavras, interior de Minas Gerais, a empresa desenvolve há 21 anos produtos inovadores com a missão de proporcionar ao consumidor uma vida mais leve e saudável, sem deixar o sabor de lado. Com processos modernos e técnicas artesanais, a Verde Campo é reconhecida por aliar tradição, tecnologia, saudabilidade e o prazer do paladar. Desde 2016, a marca integra o portfólio da Coca-Cola Brasil.

Fonte: Rede Comunicação

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »