21/08/2013 às 13h00min - Atualizada em 21/08/2013 às 13h00min

Expointer 2013, Feira da Agricultura Familiar espera 350 mil vistantes

Ministério de Desenvolvimento Agrário (MDA)

Com expectativa de receber um público de 350 mil pessoas – 70% dos visitantes da Expointer –, a 15ª Feira da Agricultura Familiar é uma oportunidade de comercialização direta e de divulgação dos produtos das agroindústrias e cooperativas da agricultura familiar gaúcha. No espaço de 3,5 mil m2 estarão reunidos 184 estandes, que representam o trabalho de mais de nove mil famílias do estado.

“Nesta edição da Feira da Agricultura Familiar será possível vislumbrar a extraordinária e diversificada produção destes agricultores, responsáveis por 54% do valor bruto da produção agropecuária gaúcha. A presença da agricultura familiar na Expointer, desde 1999, faz a grande feira da agropecuária gaúcha mais rica e atrativa”, pontua o ministro do Desenvolvimento Agrário, Pepe Vargas.

No pavilhão da agricultura familiar, montado em parceria com o Governo Federal, os visitantes encontrarão produtos tradicionais, como embutidos e vinhos, além de uma Praça dos Orgânicos – com resultado da produção familiar sustentável e sem uso de agrotóxicos. O espaço terá também uma Praça de Alimentação, onde sete cozinhas estarão servindo comidas feitas a partir de ingredientes cultivados pela agricultura familiar.

O Rio Grande do Sul tem forte presença da agricultura familiar, que representa 86% dos estabelecimentos rurais do estado. Na última safra, os agricultores gaúchos foram os que mais acessaram crédito do Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf) – mais de 20% das contratações em todo o País, o que representa mais R$ 3,9 bilhões –, melhorando a infraestrutura e facilitando a produção nas unidades familiares.

Expectativa
Estreante na Expointer, a Cooperativa de Produtores de Venâncio Aires (Cooprava), espera vender no mínimo 500 kg de produtos diversificados, como massas, biscoitos, conservas e derivados do leite. “Se aumentar a comercialização, temos mais produtos disponíveis para levar”, afirma o representante da cooperativa, José Eduardo Hoffmann. Formada, atualmente, por 137 agricultores, a Cooprava vê o evento como uma oportunidade para buscar informações e parcerias para dobrar a produção até 2015.

“Para a gente é uma oportunidade para chegar a novos mercados. Queremos ter uma renda extra, para além das vendas governamentais”, explica Hoffmann. Atualmente, a maior parte da produção da Cooprava – cerca de 90% – é comercializada por meio do Programa de Aquisição de Alimentos (PAA) e do Programa Nacional de Alimentação Escolar (Pnae), ambos do Governo Federal.

Tecnologia para o campo
Outro espaço de destaque na feira é o Feirão Mais Alimentos. No local os produtores poderão formalizar propostas de compra de máquinas e implementos agrícolas. A expectativa, este ano, é ampliar em 30%, em relação ao ano passado, o número de empresas participantes.

Balanço 2012
A última edição da Feira da Agricultura Familiar reuniu 191 estantes de agroindústrias e cooperativas da agricultura familiar. Em nove dias de evento, foram comercializados mais de R$ 1,25 milhão no espaço – quase 20% a mais que em 2011. A estimativa é que 70% do público da Expointer tenham circulado pelo pavilhão da agricultura familiar - aproximadamente 325 mil pessoas. No mesmo período, o espaço do Mais Alimentos deu suporte aos agricultores familiares na elaboração de propostas de financiamento para máquinas e implementos agrícolas, no valor de R$ 152 milhões.


SERVIÇO

15ª Feira da Agricultura Familiar
Data: 24 de agosto a 1º de setembro
Horário: 8h às 20h
Local: Pavilhão da Agricultura Familiar – Parque de Exposições Assis Brasil – Esteio (RS).
Entrada: O ingresso da Expointer custa R$ 10 (inteira), e dá acesso ao Pavilhão da Agricultura familiar e ao Feirão Mais Alimentos. Crianças até seis anos não pagam.

 


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »